terça-feira, agosto 22, 2006

COPYRIGHT

Parece-me que estou a incomodar uma palavra demasiado séria destinada a assuntos sérios!
Todavia, o caso que aqui registei ontem e que diz respeito ao plágio do nome do meu blogue, se nos referirmos ao modo capcioso como foi plagiado, é sério; mas, acima de tudo, é-me insuportavelmente irritante! Não o aceito.

Pensamentos vagabundos” é um nome de blogue, título – chamem-lhe o que quiserem – que me pertence. Farei de tudo para que no Blog*Spot exista um único blogue com este nome.
Pesquisei milhares de nomes da blogosfera. Não vi nenhum exemplo que pudesse dar a mínima justificação ao que me aconteceu. E agora pergunto: como é possível aceitar as mesmas palavras – juntas ou separadas por hífen ou underscore - com valor semântico precisamente igual? A computorização é assim tão estúpida e destituída de filtros eficazes que possa permitir estas espertezas de gente sem dignidade?

Copyright - “Reserva do direito de propriedade sobre uma obra impressa; propriedade literária ou artística; direitos de autor

Ponhamos de lado a importância de “propriedade literária ou artística” que, neste caso, seria ridículo. Mas quanto ao direito de propriedade, sim, tenho todos os motivos para sentir-me indignada.

Mais uma vez, repito que criei este blogue, em Janeiro 2005, mais com o gosto de “conversar com o computador” que procurar notoriedade. Divirto-me, esclareço ideias (estes tais pensamentos vagabundos) e finjo que lanço tudo para o infinito.

Atenta leitora, na Internet, de jornais e blogues, frequentemente, quando os assuntos são convincentes, sinto o impulso de me incluir na lista dos comentadores de blogues interessantes, de qualidade. Hesito em fazê-lo e, normalmente, desisto.
Detesto comentários anónimos; devo identificar-me. Vejo-me, então, como se quisesse pôr-me em vista, tornar-me notada: eis o que me faz desistir.

Há apenas dois blogues onde me sinto à vontade e, de vez em quando, assinalo que os sigo: o do meu gentil colega radioamador (www.dispersamente.blogspot.com) e o de uma jovem de 19 anos que, pela impetuosidade e espontaneidade como defende as suas ideias, recorda-me como era eu naquela idade. Merece toda a minha simpatia: www.danielik.blogspot.com

Em conclusão, o indivíduo anónimo que usurpa o nome deste blogue, reparando que se tratava de mais um dos milhares que existem, pôs de lado quaisquer escrúpulos e Blog*Spot consentiu-lho.
Tenho poucos leitores, mas são pessoas amigas e muito atentas.

E sobre este assunto, neste blogue, ponto final.
Alda M. Maia

1 Comments:

At 8:01 da tarde, Blogger Danielik said...

Realmente esse tipo de plágios incomoda qualquer um. Eu ficaria, da mesma forma, super indignada se tivessem criado um blog com o meu "nickname" mas utilizando um simples e ridículo hífen. Por exemplo: danielik-girl. Inadmissível, de facto.
Só espero que este comentário não sirva de incitação à utilização do meu sagrado "nickname". :P
Uma beijoca!
Dani :)

 

Enviar um comentário

<< Home